Drama

Que um pagão tenha uma drama sentimental com a figura de Jesus pois esteve em conflito militar com crusados é compreensível, mas soa irracional o desamor de um indivíduo com a própria alma em sacrificá-la por vãs causas políticas e isso não será aliviado no último dia. Há demasiado radicalismo por causas diminutas do progressismo imperialista americano em solo brasileiro: a maior objeção à religião não é aparentemente religiosa, mas a religião política.

Rejeitar o sacrifício da cruz de Cristo por um papel assinado entre pessoas do mesmo sexo não é estupidez, é imoral. Evangelistas tomem nota, pois a politização da alma é maior impeditivo à salvação que o próprio diabo, que devido à tantos homens maus, está de folga.

Com a palavra

Se  a torcedora do grêmio tivesse sido pega em um banheiro praticando sexo com três homens, seria chamada de vítima e estaria figurando como heroína na TV contra o bullying virtual mas infelizmente a sociedade não é hipócrita quanto ao racismo, podendo então, num ato de masculina coragem contra a menininha ir apedrejar a casa da moça e fazê-la perder o emprego por causa de um insulto verbal.

Com a palavra, os teólogos do deixa disso:

Chocar

A educação brasileira sendo uma das piores do mundo, é natural que os candidatos mais escandinavos se saiam os piores nas urnas, na falta da razão saxônica sobra o coração populista dos latinos, e engana-se quem crê que os direitos das minorias não se aproveitam de igual manipulação emocional que aprenderam no programa do Gugu, da fábrica de criar sentimentos hollywoodiana, a mídia sempre busca o espetáculo da vítima para aumentar sua audiência, é o novo coliseu, e essa é a razão de sua união com a esquerda.

É fácil então demonstrar afetação intelectual diante de um povo que tem paixão por títulos, quanto mais fácil é fazer isso no meio evangélico, que vivendo na marginalidade tribal estão sempre em busca de adquirir respeito humano, esperando obtê-lo com algum intelectual em seu meio. Nos Estados Unidos, esse intelectual é respeitado exatamente por sua liberdade de chocar, mas no Brasil só se pode crescer abraçando as trevas do carreirismo universitário, razão do qual todos os intelectuais evangélicos sentem a pressão de se conformar com a ideologia mundana da esquerda. Sendo assim, Deus só pode aparecer no Brasil através do coração dos ignorantes, e só estes podem, do chão, aprendendo a se expressar, criar sabedoria.

Desigualdade

No momento em que todas as pessoas tiverem as mesmas quantias de dinheiro no bolso, elas usarão esse dinheiro desigualmente, criando elas mesmos a dita desigualdade econômica, investindo naqueles que consideram os melhores. A luta contra a desigualdade portanto é a invencível luta contra os valores e os consumidores, não contra o sistema capitalista mas contra a felicidade e a manutenção da vida dos seres humanos. É claro, como cristão, posso discutir a moralidade de certas escolhas, mas não sobre o ato de escolher.

Não é a toa que a única maneira considerada justa de ganhar mais dinheiro no Brasil é fazendo filhos, quanto mais pessoas dependentes do welfare terem filhos que irão para o welfare mais aumentam seus benefícios sociais que visam reduzir a desigualdade, a esquerda só agradece pela máquina de produzir sua base eleitoral de escravos do Estado.