Escravos

Você não acharia estranho uma empresa te dar dinheiro para que você compre algo dela? Há muitas revelações se você analisar a circulação de dinheiro no Brasil, quando carros caros chegam apenas uma parcela da população pode pagar por eles, e note que geralmente estão atrelados ao Estado. Os impostos que a indústria paga pela importação é remetido ao salário desses indivíduos que, por ter maior poder econômico que o resto da população, pode comprar o carro. Não é interessante? É claro que esse indivíduos pagam impostos igualmente, mas como são os receptores eles pagam a si mesmos, em um espetáculo de falso pietismo. Adivinha porque são incapazes de apoiarem candidatos a favor de austeridade fiscal.

Ao resto, resta requerir o gratuito estatal, assim como o escravo enriquecia o senhor e recebia em troca de seus serviços comida e moradia gratuita e talvez até educação e saúde, nós pedimos, marchamos e achamos que temos vários direitos, afinal estamos enriquecendo o senhor com nosso dinheiro, pedindo que nos sirva com as melhores moradas e com a melhor comida gratuita enquanto trabalhamos avidamente para torná-lo mais rico. Enfim, o Brasil de hoje continua sendo o país escravagista de sempre, só que dessa vez os escravos estão demandando sê-lo.

About these ads

Publicado por

Duke

Calvinista, cuja missão advém do Movimento Reformado de trazer a Igreja Católica Romana às suas raízes Católicas. Vim a entender que a ética está atrelada à uma Ordem Sagrada, encontrada na natureza e na revelação, que obriga homem e governo à vontade de Deus a ser feita in caeli et in terra. Devido à neutralidade metafísica ser impossível, todos os reinos falíveis caem na anarquia (Tirania de Muitos) ou ditadura (Tirania de Um) dada as proposições arbitrárias de suas cosmovisões. Portanto não me governo senão pela Teocracia, e sendo escravo de Deus, sou livre dos homens.