Charada

A pior charada que um esquerdista tem de resolver é como em países com maior simpatia ao indivíduo egoísta que só busca o próprio lucro, onde o ganancioso econômico toma prioridade sobre o ganancioso político, onde se desrespeita os direitos fascistas do trabalho, o preço das coisas não sobem fora do controle impedindo os economicamente pobres de consumirem. É só nos países que mais afaga os menos favorecidos que os preços se tornam inacessíveis. Culpem a estatística, o problema é institucional.